domingo, 15 de janeiro de 2017

Especial - O Último Maverick Fabricado no Mundo

Pessoal! Pouco mais de 1 ano após de publicar a pesquisa que identificou e encontrou a pessoa que ganhou o Primeiro Maverick Fabricado no Brasil, voltamos com o último deles, o Maverick brasileiro produzido no dia 17 de abril de 1979 e que assim tornou-se o caçula entre os Maverick dos 4 países que o fabricaram.
Já falamos sobre a produção total do Maverick no Brasil e chegamos ao total de 108.107, mas esse é um assunto confuso... realmente confuso. Depois dessa pesquisa, fiquei sabendo que a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, a ANFAVEA, afirma que foram 108.237 unidades produzidas e vendidas. Isso explica o porque o Maverick do amigo Luiz Alberto Junior Santos ser o 108.113º fabricado.

Mas beleza, vamos por etapas e conhecer melhor o último Maverick fabricado no mundo.


Pesquisando pela internet a fora, encontrei com o Eduardo que dizia ser o dono do Último Maverick. Ele confirmou ser mesmo o Maverick que eu procurava, mas naquela época o carro estava passando por restauração, então não dava pra falar e mostrar muito do carro. Há puco tempo voltamos a falar do Maverick e fiquei feliz em saber que estava quase pronto. Sugeri que contássemos essa história e deixássemos tudo registrado, afinal de contas, não é sempre que a última unidade de um carro é encontrada, não é verdade?

O Eduardo é um cara espetacular! Ou melhor, o Eduardo e seu irmão Rafael. Aceitaram participar e aqui estamos nós!

Vamos lá!

Qual a idade de vocês?
Eduardo 26 anos, Rafael 22 anos.

Quando começaram a gostar de Maverick?
Desde pequenos gostamos de todos os tipos carros, principalmente antigos e japoneses. Em 2009 iríamos comprar um fusca para mexer aos poucos, por ser um carro mais acessível com peças mais em conta, era um branco 85 que estava em Campinas-SP. Fomos ver, gostamos, mas na hora de fechar, nosso pai vetou o negócio. Disse para procurar um Maverick GT. Eu e meu irmão sempre gostamos dos “muscles” brasileiros, Maverick, Charger e Opala, mas como nós que iríamos comprar, esses estavam longe do nosso orçamento.

Em qual ano e como encontraram esse Maverick?
Encontramos o Maverick no final de outubro de 2012 pelo mercado livre.

Em qual situação esse carro estava quando compraram?
Tinha acabado de sair da pintura, todo desmontado.









Vocês sabiam que ele era o último Maverick fabricado? E o dono anterior, sabia?
Sabíamos por causa do anúncio do mercado livre.


Para entender a plaqueta clique aqui. 

Como foi a negociação para comprá-lo?
Assim que vimos o anúncio combinamos de ver o carro com o antigo dono, isso foi dia 30 de outubro, poucos dias depois fechamos o negócio e o trouxemos para casa.

O que sentem por serem os donos do último Maverick fabricado no mundo?
Além da paixão pelo Maverick, é muito gratificante e especial ter o último fabricado no mundo.

O que vocês sabem a respeito da divergência de informação que temos entre os números de vendas que chegam a 108.106 e os números da ANFAVEA que garantem os 108.237 Maverick fabricados?
É bem confuso essa divergência, já ouvimos falar que os últimos foram fabricados com peças sobressalentes, ou até que foram fabricados sob encomenda, não sabemos ao certo.

Vocês mexeram nele? Continua como estava?
Mexemos pouca coisa… Na parte mecânica foram colocados coletor de admissão edelbrock Dual Plane, quadrijet Holley, comando mecânico, tuchos, molas, pratos, travas de válvula tudo da Iskenderian e os balancins roletados da CompCams. Os freios foram trocados por um kit forjado da Wilwood nas quatro rodas com pinças de 4 pistões e na parte de escapamento somente foi feito a parte da tubulação toda em aço carbono de 2,5 pol. com um X pipe no meio!







Como é pra vocês, além de terem um Maverick, um carro super desejado, ele ainda ser o último fabricado?
Indescritível… Não temos palavras para descrever tamanho privilégio ter um Maverick, a emoção que ele proporciona acaba sendo de certa forma uma terapia, tudo muito simples e sem frescuras! O fato dele ser o último fabricado para nós não passa de uma mera característica, porque o real valor dele está presente em todo suor e dores de cabeça enfrentado em todo esse tempo conosco! E te digo uma coisa… a cada acelerada todos os problemas são esquecidos e ele ainda nos deixa sem fôlego!











Olha que demais!
A paixão por carros antigos quase os levaram a comprar um fusca, mas aqui vemos a importância de ouvir os nossos pais: "Vai procurar um Maverick GT". Melhor conselho do mundo! :)
Em 2012 o Maverick já tinha voltado a ser bastante valorizado, mas eles conseguiram encontrar "facilmente" um Maverick pra comprar e ainda por cima era o Último dos Maverick.
A questão de ser o número 108.237 é o que nós vamos tentar entender a seguir, mas o espirito é esse:

"Não temos palavras para descrever tamanho privilégio ter um Maverick, a emoção que ele proporciona acaba sendo de certa forma uma terapia, tudo muito simples e sem frescuras! O fato dele ser o último fabricado para nós não passa de uma mera característica, porque o real valor dele está presente em todo suor e dores de cabeça enfrentado em todo esse tempo conosco!"


Quando a gente pensa na história do Maverick, é muito gratificante saber que o Último ainda existe e está sendo muito bem cuidado e aproveitado.

Originalidade? Estamos procurando o Maverick 108.237 e qual o problema dele ter algumas modificações de performance?



Agora vamos analisar mais informações:

108.237

O site Carro Antigo fornece a consulta da produção dos carros nacionais baseado em informações da ANFAVEA e é daí que vem esse número.



Se compararmos essa tabela da ANFAVEA com a que criei na pesquisa sobre a produção do Maverick (aconselho a leitura para um melhor entendimento) ou com qualquer outra tabela, veremos que há divergência em todos os anos, exceto uma das contas que fiz sobre a produção de 1979, onde o resultado obtido foi 1000 unidades.

Pare e pense.
..........
..........



Ainda está confuso pra mim. E pra você?

Bom, essa divergência tem muito a ver com o é apontado como PRODUÇÃO e o que é apontado como VENDA.
Fazendo uma comparação mais de perto, chegamos ao seguinte resultado:






A diferença do total de uma tabela para outra e de 130 carros.
E essa é a chave! Isso significa que a tabela que criamos, baseada nos jornais e revistas representa o número de VENDAS, a tabela da ANFAVEA é a de PRODUÇÃO.

Compreendeu?

Foram fabricados 22.178 Maverick em 1973, mas só foram vendidos 18.970, restando assim 3.208 carros para serem vendidos em 74.
Somando esses 3.208 carros que já haviam em estoque mais os 31.666 fabricados e subtraindo as vendas que foram de 34.770, a Ford ainda ficou com 104 carros para vender em 75.
E assim por diante até chegar a 1979 onde sobram 130 carros para serem vendidos.

Seria ótimo que existissem ainda 130 Maverick zero km por aí, já ouvi dizer que os primeiros Maverick fabricados aqui foram desmontados e por isso tem essa diferença na numeração. Pode ter haver com os "fora de série" como Maverick Perua, Centauro, Maverick 5000R...? Lembrando que os Maverick que foram utilizados como "protótipos" no Brasil, vieram dos EUA.

Porém, contudo, entretanto, todavia, raciocinando mais, está correto, pois o último fabricado talvez nem tenha sido vendido no dia 17 de abril de 1979. E é aí que tudo se encaixa, dessa data pra frente, a Ford ainda tinha 130 carros para vender. Vejam:

O Estado de S. Paulo 27.9.79
Era Setembro de 1979 e o jornal diz que o "..Maverick, atualmente produzido em pequena escala e só sob encomenda dos distribuidores..."

PRODUZIDO não é a palavra correta, ou então teríamos numeração de chassis maior que 108.237 ( tanto na plaqueta, como na ANFAVEA). A palavra correta é VENDA pois desde abril restaram 130 carros em estoque.

"...vem sendo gradativamente retirado do mercado..."

Eu entendo essa frase como: Parou de ser produzido e estão vendendo as últimas unidades.



Esse outro jornal comprova:

O Jornal 12 a 18.11.79

Desde 1.11.79 estava valendo mais um aumento no preço dos carros e o Maverick constava na lista de preços.
Concordam que se não tivesse mais nenhum Maverick para comprar, ele não estaria nessa tabela? Acredito que a produção foi finalizada em 17 de abril de 1979, mas o dia que terminaram de vender todos os Maverick em estoque talvez nunca descobriremos...



Produção de Abril de 1979


A produção foi realmente de 1000 unidades, as vendas é que marcaram 1035 unidades.

Jornal do Brasil 21.5.79

O erro que cometemos foi considerar VENDAS como PRODUÇÃO. O Jornal do Brasil diz que até o dia 20 de abril foram 1011 Maverick vendidos.

O Último Maverick, 108.237 foi fabricado no dia 17 de abril de 1979, ou seja, do dia 17 para frente foram apenas vendidos os carros em estoque.


Agora ficou claro pra mim, espero que pra você também.

Curiosidades



  • Escolhido ou não para o último Maverick, o dia 17 de abril é o mesmo dia que o Mustang foi lançado em 1964 e o Maverick em 1969.
  • Os planos da Ford era de encerrar a produção do Maverick em abril de 1980.


Portanto, podemos aceitar que foram realmente 108.237 Maverick fabricados no Brasil, pois é o que diz a ANFAVEA e comprova a plaqueta do carro do Eduardo e do Rafael.

Muito obrigado Eduardo e Rafael por compartilhar essa história conosco! Que esse Maverick os encham de orgulho e de ótimos momentos, aproveitem e continuem preservando esse pedaço da história do Maverick.



É uma satisfação poder reunir a história do Primeiro e do Último Maverick aqui no blog.



Vem mais por aí! Ford Abraço!




FORD MAVERICK NA HISTÓRIA
A História do Maverick contada como você nunca viu! 

Curta a página e confira nosso conteúdo exclusivo para o Facebook:

Inscreva-se em nosso canal do Youtube:
www.youtube.com/user/mvk8/videos


E-mail para contato:
juninho8fonseca@gmail.com

Obrigado pela visita!

No Facebook


Conheça os Relocímetros, uma linha de relógios especiais para quem curte carros. De parede, de pulso e de mesa. Acesse www.autosbizus.com.br .