domingo, 21 de dezembro de 2014

1976 - O Maverick nas Corridas

Mais uma parte da história do Maverick em 1976: As Corridas! Até agora não consegui publicar o final do que aconteceu em 1975, mas já dava pra perceber que a época das vacas gordas estavam passando. A Crise do petróleo aumentou, o álcool estava em desenvolvimento e as regras da CBA estavam mudando. Vejamos o quê e como aconteceu:

Jornal do Brasil 7.1.76


Mudanças, porém mais voltadas a organização das categorias. Para o Maverick não mudou nada.

Diário do Paraná 11.1.76
Ótima apresentação da Tenenge e sua equipe. Realmente eles não poderiam ter escolhido um carro melhor para atingirem seus objetivos. O Jaime Silva se destacou muito em 1975 e esse ano a Tenenge promete mais. Vamos ficar de olho neles.

Jornal do Brasil 14.1.76
Toda a lógica e raciocínio do grande Anísio Campos. Era de organização que o automobilismo brasileiro precisava para formar e manter os pilotos nas corridas. A Equipe Hollywood estaria fora da Divisão 4, devido ao seu encerramento, mas poderia correr com o Maverick na Divisão 3 e a gente sabe como o Berta-Hollywood corria.... eitaaa!


Jornal do Brasil 21.1.76
Olha a Hollywood aí novamente. Infelizmente eles não foram campeões com o Maverick, mesmo assim, o Maverick Berta-Hollywood é um dos carros de corrida mais importantes do automobilismo brasileiro.
A Equipe Hollywood tem um histórico invejável. Quem venha março para acompanharmos suas corridas.

Diário do Paraná 25.1.76
Aqui o jornal Diário do Paraná reforça o sucesso da Equipe Hollywood.

Diário do Paraná 15.2.76
Que explicação perfeita! Este é o mapa que vai nos guiar durante todas as corridas de 1976. Se você ainda tinha dúvidas de como as categorias eram separadas, acredito que agora tenha entendido por completo.
Fato importante aí é a exclusão do Opala 250-S e do Maverick Quadrijet das corridas por não atingirem a quantidade de 5000 unidades vendidas. Esse assunto gera muitos mal entendidos. Em 1974, o 250-S e o Quadrijet foram homologados depois das 25 Horas de Interlagos , independente de quantas unidades tivessem sido fabricadas. Agora, em 1976, a regra mudou e como o 250-S nem o Quadrijet atingiram a quantidade necessária, ficaram de fora da Divisão 1. O Maverick correu sem o Quadrijet em 1973 e venceu praticamente todas, agora a situação é parecida. As chances do Opala aumentaram mesmo, eles tem muito experiência em fazer o 4100 render do que o pessoal com o 302, mas vamos ver como vai acontecer na prática.

Na minha opinião, essa mudança na regra foi totalmente prejudicial. Não somente com relação ao Maverick, mas para o automobilismo em geral. Todo o desenvolvimento que havia sendo feito foi perdido e as chances de dar continuidade eram muito pequenas visto que não era nada fácil vender 5000 carros dessa categoria em meio a crise do petróleo que atingia o mundo.

Era mais um grande desafio para o Maverick.

Folha de S. Paulo 25.2.76
A fiscalização estava em cima. O Maverick 4 cilindros estava apto a correr. Como será que se saíram...?

Jornal do Brasil 15.3.76
O Opala venceu a primeira corrida do ano. Não vou dizer que é porque a Ford estava sem o Quadrijet, mas vocês viram? 2º, 3º, 4º e 5º eram Maverick. Onde está a superioridade do Opala? Foi apenas uma corrida e nós vamos precisar de muitas outras pra determinar que se destacou mais em 1976.

Diário do Paraná 28.3.76
O Opala já foi o carro da Hollywood e agora ele venceu a prova dos anfitriões. Ponto pro Opala.

Quatro Rodas 4.76
O pessoal ainda estava se adaptando às novas regras da Divisão 1.
Olha aí, só 1 Opala entre os 8 primeiros....


Folha de S. Paulo 6.4.76

Quatro Rodas 5.76
Agora o Maverick venceu na Divisão 1 e Divisão 3. Relembrando que a Divisão 1 eram de carros praticamente como os de rua, sem muita preparação, ao contrário da Divisão 3, onde a preparação era quase que livre. O Maverick Divisão 3 é/foi 10 segundos mais rápido que o Divisão 1. Só por esse tempo dá pra ter uma idéia o quanto um carro bem ajustado pode render a mais.

Jornal do Brasil 11.4.76
Não era pouca a variedade de carros, mas todo mundo queria ver Opala e Maverick se pegando nas pistas.


Diário do Paraná 11.4.76
Aqui vemos novamente a repercussão da vitória do Maverick pilotado pelo Camillo Cristófaro e a Tenenge que decidiu por mais um Maverick para correr. A Tenenge sabe da responsabilidade que tem em escolher em carro que "perdeu" muito da confiança do povo que acha/achava que sem o Quadrijet o Maverick não é nada, mas a Tenenge tem sua tecnologia e aposta no Maverick. Está nas mãos do piloto Marinho Amaral guiar todo esse equipamento para a linha de chegada.

Diário do Paraná 11.4.76
Três Opalas chegaram na frente. Ahhh é verdade, só tinha Opala na categoria...

E o Paraná inventou um regulamento só pra eles... Começou a marmelada.


Jornal do Brasil 22.4.76
Estão aí os preparativos para a corrida em Brasília

Folha de S. Paulo 23.4.76
Do jeito que está escrito, parece até que as mudanças no regulamento foram propositalmente feitas para afetar o Maverick e beneficiando o Opala. Será?

Seria muito bom ver o Pace e o Fittipaldi guiando esses carros....

Folha de S. Paulo 24.4.76
Maverick larga na frente, mas os Opala veem forte atrás.

Jornal do Brasil 26.4.76
Maverick largou na frente. Maverick venceu a corrida.

Quatro Rodas 5.76

Aquele Opala fora da pista saiu numa disputa com o Maverick.

Quatro Rodas 5.76

A revista começa dizendo que tudo ajudou pra vitoria, citou de tudo um pouco, só não falou do Maverick. Foi a equipe, foi os pilotos, foi a falta de problemas.... ahhhh isso dá raiva... Eles não dão o braço a torcer quando é pra falar bem do Maverick.
Vemos novamente a confirmação da ausência do Quadrijet e do 250-S das corridas, porém a revista diz que o 250-S ainda poderia ser homologado esse ano, mas não diz nada do Quadrijet.
Catanhede fez 2:42:23, mas o pessoal achou que ele cortou caminho. kkkkk é bem provável mesmo, uma diferença de 2 segundos é gigantesca.

Eles não disseram nada sobre o incêndio nos boxes do Maverick. Uma pena o que aconteceu, mas mesmo com esse transtorno, tudo deu certo no final.

Insistem em dizer, em querer dar a impressão que se não fosse o rápido trabalho nos boxes, o Maverick teria perdido, ou melhor, diriam que o Opala ganhou fácil. Minha indignação agora não é com o Opala, mas sim com essa reportagem, parece que quando o Maverick vence foi sorte, e quando o Opala vence (raramente) são méritos do carro. Assim fica complicado né?

Tem mais um fato que não pode ser deixado de lado. O trabalho dos boxes deve ser rápido sim, e para todas as equipes, quem é devagar é porque não está devidamente preparado. Além disso, o Maverick não tem a mesma autonomia do Opala. A revista não diz quantos reabastecimentos cada carro fez, mas certeza que o Maverick parou mais que seu rival.




Quatro Rodas 5.76

Agora eu gostei! Teve Maverick 4 cilindros correndo na Classe B da Divisão 1. Não posso precisar se essa foi a primeira corrida do Maverick 4 cilindros na Divisão 1, mas foi um resultado bom chegar em 2º e 3º lugar. Espero que o Maverick 4 tenha um bom destaque nas notícias. Me interessa muito!


Quatro Rodas 6.76

Paulo Prata, Paulo Prata! A bordo do seu Maverick em Goiânia no dia 9 de maio de 1976 ele escrevia mais uma bela página na história do Maverick. Venceu as duas baterias com folga.
Interessante que ele diz que o motor do Maverick estava velho e com problemas. Paulo Prata comprou esse Maverick do Paulo Gomes e mesmo velho e fraco o 302 ainda tinha muito folego.
Que corrida inteligente!


Jornal do Brasil 9.5.76
Não se chama mais Divisão 1, é Grupo 1. As 100 Milhas de Interlagos estão chegando. Olha as feras a bordo do Maverick! Essa corrida promete.

Jornal do Brasil 10.5.76
DOMINAR: Ter o domínio de. Ter autoridade ou poder sobre. Reprimir. Subjugar, vencer.

Conhece essa pintura dos Maverick? É a equipe Tenenge. Eles prometeram e vieram mesmo fortes.

Foi isso que os Maverick fizeram mais uma vez em Interlagos. Acredito que o Maverick venceu em todas as pistas que correu, mas em Interlagos tinha um sabor melhor... não sei explicar, mas Interlagos virou a casa dos Maverick e isso começou logo na primeira corrida do Maverick no Brasil, as 25 Horas de Interlagos de 1973

Vejamos os detalhes:

Quatro Rodas 6.76
Realmente os Maverick dominaram a corrida.

Diário do Paraná 30.5.76
A data do jornal está fora da sequência, mas refere-se a mesma corrida de Interlagos, as 100 Milhas.
O Marinho já estava no ritmo da Tenenge e o Jaime Silva só vai administrando... Grande equipe a Tenenge montou.

Que imagem heim? Sou tarado por esse tipo de foto.

Já estamos quase no meio do ano e não vi diferença desse para os outros anos: o Maverick continua vencendo.


Jornal do Brasil 10.5.76

Aqui um resumo da corrida de Goiânia e de Interlagos.


Diário do Paraná 23.5.76
Legal, Cascavel é diferente, mas o que mais me importa aí é a respeito do Moco. Será que o campeão vai correr mesmo?


Jornal do Brasil 1.6.76
Opa! Ele está a caminho.

Jornal do Brasil 2.6.76
Ahhh deixa essa Fórmula 1 pra depois, vem correr de Maverick!

Folha de S. Paulo 5.6.76
Os treinos e preparativos para a corrida em Cascavel.

Diário do Paraná 5.6.76
Deu pra perceber e é claro que isso acontece: jornal paranaense, falando com mais entusiasmo dos pilotos paranaenses.

E o Marinho Amaral heim, piloto da Tenenge, vencedor com o Maverick e agora vai correr com o Opala rsrsrs

Eu não consigo aceitar a forma com que eles colocam a questão do Quadrijet. O Opala também tinha um equipamento a mais, só que ninguém fala nada. Do jeito que dizem, dá pra entender que antes o Maverick trapaceava e agora corre de igual pra igual.

Por isso que é importante mostrar a notícia ao invés de apenas contar como foi.

Vamos em frente...

Jornal do Brasil 6.6.76
Que venha as Oito Horas de Velocidade.

Diário do Paraná 6.6.76
Será a segunda corrida, e o Maverick está na frente no campeonato.

Diário do Paraná 6.6.76
O José Carlos Pace não vem, está testando seu Fórmula 1.
Paulo Gomes não vem, está correndo na Fórmula 3.
Eles formariam mais uma dupla para conduzir um Maverick.

Gostei da apresentação do autódromo, cada reta e curva....Muito legal.

Jornal do Brasil 7.6.76
O Opala venceu. Depois de 4h05 o Maverick chegou apenas 15 segundos atrás do líder. Talvez tenha sido a menor diferença numa corrida de longa duração. Foi uma pena? Foi, mas o Maverick continua encabeçando o campeonato.

Diário do Paraná 13.6.76
Esqueceram de falar que a parada do Maverick demorou mais que o dobro da parada do Opala por causa do pneu que furou.

Quatro Rodas 7.76


Quatro Rodas 7.76
Em outras palavras, na corrida em Cascavel foi a vez das zebras: venceu o Opala e o Polara.

Puxa, que acidente feio aconteceu com o Newton Pereira. Mais de 10 minutos abandonado no acostamento. Isso é inadmissível.

Jornal do Brasil 16.6.76
Boas notícias!
A Caltabiano agora será representada nas pistas pelo Camilo Cristófaro. O número 18 vem forte!

A Laureano dará entrada na Divisão 1 com um Maverick e quem vai guiá-lo é o Fábio Crespi, muito experiente ao volante do Maverick.


Jornal do Brasil 20.6.76
Mais provas chegando. O Maverick é novamente o favorito

Jornal do Brasil 21.6.76
E o Maverick vence tudo de novo!
Em Tarumã foi fácil e em Interlagos também rsrsrs. Que "prêmio" de grego esse de Tarumã. Quem correu, correu por amor, pois financeiramente não era um bom negócio.

Diário do Paraná 21.6.76
Sim, equipe Hollywood.

Diário do Paraná 27.6.76

Diário do Paraná 27.6.76

Diário do Paraná 27.6.76
1976 está sendo mais um ano de vitórias para o Maverick, mas que chatice esse assunto do Quadrijet e do 250-S!
Estão falando de igualdade.... O Maverick sempre foi superior ao Opala, não há igualdade entre esses carros! Acho até um erro querer comparar os dois, é um absurdo! Outra coisa, quem andava de Opala nunca, nunca assumiu que o Maverick era mais forte, agora parece que virou desculpa para a derrota, tipo, se vencer é porque sem o Quadrijet, o Maverick não presta e se perder é porque o Maverick é superior. Ahh tenha dó né. O Opala venceu 1 corrida e já está achando que é campeão. Quer comparar a equipe da Ford com a equipe particular da Bamberindus...
O Diário do Paraná nunca esteve tão animado com as corridas desde que os paranaenses começaram a ter destaque, ou melhor, eles tiveram destaque ou o jornal deu destaque a eles?

Vamos ver quem leva essa. A corrida é semana que vem.

Jornal do Brasil 28.6.76
Corrida de verdade era quando havia briga de Maverick pela liderança. Imagina o ronco dos V8 ecoando pelo autódromo. A Divisão 3 era nossa.

Quatro Rodas 7.76
O Maverick Quadrijet é um carro fabuloso e cheio de fama por tudo o que conquistou. Eu passei maus bocados para poder ver esse carro no encontro em Campos do Jordão. Até hoje, este blog é mais conhecido pela história do Quadrijet do que por qualquer outra coisa, mas em 76 nós não tivemos nosso amigo nas corridas. Estamos vendo que não está sendo impossível sem ele. Já pensou as possibilidades se não o tivessem proibido? Talvez em 77 ele viria ainda mais desenvolvido, deixando o Maverick ainda mais veloz, ainda mais um carro de corrida, mas não, baniriam o coitado....

O Estado de S. Paulo 29.6.76

Claro, o Maverick também lidera a Divisão 3.


Jornal do Brasil 1.7.76

O Estado de S. Paulo 1.7.76

De volta a Divisão 1. Está chegando a prova de Interlagos.


Diário do Paraná 3.7.76
Aí estão os destaques da corrida.

Diário do Paraná 4.7.76
Essa prova aqui não faz parte do assunto da Divisão 1, mas o Maverick participou então deve constar aqui. Ok, registro realizado, vamos voltar a Interlagos.

Jornal do Brasil 5.7.76
Aí, não estou falando? O Maverick venceu, o Opala chegou em segundo e em terceiro, outro Maverick.

Diário do Paraná 11.7.76
Acho que estou começando a entender. Não é Maverick X Opala, é Paranaenses X Paulistas. Onde é que o jornal quer levar essa discussão heim?

Ficaram se gabando de poder parar menos no boxe e ficaram sem gasolina hehhehe acontece....

Eram  dois Opalas da equipe Bamerindus, um muito bem acertado e o outro parece ter ficado com o resto. Não teve um bom  desempenho.

Diário do Paraná 11.7.76
"Corrida só termina com a bandeira quadriculada abaixada."
Longe de mim contrariar o Mestre Chico Landi, mas essa prova deu mesmo o que falar e ainda não terminou. Além de deixar a gasolina acabar, foram encontradas irregularidades no Opala. Olha só que coisa feia. Talvez essa irregularidade fez o Opala correr tanto que a gasolina não deu. Já pensou? Tomaram do próprio veneno duas vezes.
Esses foram os resultados extraoficiais. Vamos aguardar o que será decidido.

Jornal do Brasil 14.7.76
O pessoal pensando já na próxima corrida: as 12 Horas de Goiânia.

Diário do Paraná 18.6.76
Eita piloto de primeira! Realmente não é qualquer que tem o privilégio de guiar um Maverick. José Carlos Pace está focado na próxima corrida na Inglaterra e eu aqui querendo que dessa vez ele pilote mesmo o Maverick rsrsrs

Jornal do Brasil 21.7.76
A Mercantil-Finasa Ford vem com força total. Agora o time está completo.
Jornal do Brasil 25.7.76
Agora um assunto preocupante. A crise do petróleo que já estava atingindo os carros nas ruas agora parte pra dentro das pistas. Corre-se até o risco de não haver mais corridas. O álcool parece ser a solução, mas dá pra sentir que o fim está próximo. Não serão todos que conseguirão manter o ritmo.
Vamos torcer pra que as corridas durem o máximo possível.

Diário do Paraná 25.7.76
Legal, quarta etapa da Divisão 1. Lembrando que ainda não temos o resultado oficial da terceira etapa, em Interlagos.

Diário do Paraná 25.7.76
Opa, opa! Aqui diz que os 3 primeiros carros foram desclassificados e que o único Opala está sentindo-se injustiçado. Já vi esse filme nas 25 Horas de Interlagos de 1974
O que eu poso falar? Não li o regulamento, não sei tim tim por tim tim o que diz, mas essas coisas acontecem mesmo.
O significado da palavra Supremacia está muito fora de contexto. O que aconteceu não demonstra ou demonstraria supremacia alguma do Opala. Eu não disse que o assunto tinha virado pessoal? Eles estão se inferiorizando para usar esse argumento de que a equipe mais forte iria derrubá-los. Aí já é de mais né? Pior que eles falam com se tivessem chegado em primeiro! Esqueceram que a estratégia de vocês foi falha e que passaram a vergonha de a gasolina acabar a 500 metros da linha de chegada?

Cada argumento fraco....

Vamos aguardar a decisão oficial.

Diário do Paraná 26.7.76
Realmente a época da gasolina nas pistas está findando. Todo mundo quer entrar na justiça? Os advogados vão trabalhar pra caramba agora rsrsrs


Quatro Rodas 8.76

E não é que um Opala venceu? O que será que aconteceu?

Quatro Rodas 8.76
"Aí sim fomos surpreendidos novamente" rsrsrs
Os quatro primeiros foram Opala.
Será o fim ou não das corridas? Ainda restam duas corridas e se terminasse agora o campeão seria Bob Sharp com o Maverick.
Exatamente, mesmo com 4 Opalas chegando na frente, o Maverick lidera o campeonato. Com certeza saiu o resultado da corrida de Interlagos. Vamos continuar a leitura da revista.
A própria corrida de Goiânia era pra ter sido proibida, mas o pedido das equipes foi aceito e a corrida foi realizada.
O presidente da CBA mostrou bons argumentos a favor das corridas.
O Pace estava certo, a crise do petróleo foi mundial, mas só o no Brasil existia de fato o risco de todas as competições a motor serem proibidas.
Deu pra perceber que essa história não vai terminar aqui. Vamos para o que aconteceu na corrida:

Quatro Rodas 8.76



Quatro Rodas 8.76
Em Goiânia os Maverick ficaram mesmo pelo caminho. Quebras, batidas... um a um eles pararam. Acho que foi a primeira corrida que tantos Maverick não conseguiram terminar uma corrida.

INTERLAGOS!
Agora teremos a informação que queríamos.
O Diário do Paraná havia dito que os 3 primeiros haviam sido desclassificados, mas agora a informação é diferente e com certeza, mais correta. O problema estava apenas no primeiro colocado (Maverick) e segundo colocado (Opala). Os dois foram desclassificados e a vitória junto com os pontos foram para o terceiro colocado, Bob Sharp com o Maverick, deixando-o na liderança do campeonato.
Eu confio mais nessa informação pois a Quatro Rodas, por ser uma revista mensal, tem mais tempo de apurar todos os fatos.
Tudo entendido? O Maverick é líder na Divisão 1 com Bob Sharp. Tomara que o campeonato não acabe e que tenhamos mais corridas.

Diário do Paraná 1.8.76
Olha o nível que esse povo chegou?
O Pace largou a Fórmula 1 pra vir correr no Brasil e atacar os paranaenses, é isso? O Pace é um piloto novato que serve somente pra prejudicar os adversários? Pagaram o Pace pra ele correr, ou melhor, pra ele ficar batendo nos outros de propósito? Justo o Pace?
Que reportagem infeliz..... E olha que o Pace nem terminou a corrida....

Parece que lá no Paraná está acontecendo outro campeonato. Eles estão dizendo que o Opala da Delco-Bamerindus está 3 pontos do líder. A Quatro Rodas garante que são 23 pontos de diferença e que o líder é o Maverick.

Diário do Paraná 8.8.76
Eu achava que as vezes eu abusava no otimismo com o Maverick... O pessoal que escreve a respeito das corridas no Diário do Paraná me venceu de lavada! O Opala está em segundo, a conta deles está errada e ainda precisa correr duas corridas, mas eles já falam de ser campeões. Que absurdo kkkkk

Diário do Paraná 15.8.76
A Tenenge tem mesmo o meu respeito.
Se gasolina está escassa, é hora de atacar com ácool. O Maverick está sendo um dos garotos de teste e o resultado parece ser bom. Será que ele vai para as pistas?

Jornal do Brasil 25.8.76
Mudaram o local da prova, agora será em Tarumã, lugar onde o Maverick venceu desde a primeira vez que correu em 1973.
Diário do Paraná 29.8.76
E adivinha? O Maverick vence novamente.

Quatro Rodas 9.76
Os paranaenses não correm na Divisão 3.
Está difícil de ler, mas não temo surpresa, foi uma corrida tranquila para o Maverick.
Que fique registrado que teve Opala com o motor quebrado antes de completar a primeira volta.


Resumo: A D1 vai para a 5ª etapa e a D3 vai para a 4ª. O Maverick lidera nas duas categorias.


Diário do Paraná 29.6.76
Olha que beleza, nesse meio tempo o Opala da Bamerindus foi campeão Paranaense.
Não tenho nada contra os pilotos, nem contra a Bamerindus, nem contra ninguém, mas que me deu raiva aquelas outras reportagens ahh isso me deu viu kkkkk

Quatro Rodas 10.76
Aí está a 4ª etapa da Divisão 3 e com ela, mais uma vitória do Maverick. Vejamos como aconteceu:

Quatro Rodas 10.76

Foi uma intensa disputa entre Bob Sharp e Paulo Prata, ambos de Maverick.
A revista confirma que a Divisão 3 está mesmo com os dias contados e que os pilotos não mais se dedicam a preparação dos carros como anteriormente. Os carros estão desaparecendo do grid e por isso o Opala da Bamerindus participou.
Isso é triste... o sonho está chegando ao fim. Talvez mesmo se continuar, não terá a mesma qualidade de antes... putz...

Jornal do Brasil 20.9.76


Jornal do Brasil 9.10.76
Deceparam as 12 horas de Tarumã e agora sobrou 4 horas, mas a largada é as 3 da manhã! rsrsrs Uma coisa mais estranha que a outra.
Essa é a Divisão 1 e o Jornal do Brasil confirma o que já lemos na Quatro Rodas, quando diz que o Maverick lidera com 63 pontos.

Jornal do Brasil 18.10.76
 Corrida em Guaporé, mas as informações são poucas...

Quatro Rodas 11.76
Agora deixa eu inventar uma notícia: O Maverick venceu o campeonato da Divisão 1.

Ahh, esqueci, não preciso inventar nada. Isso aconteceu de verdade. Mesmo fazendo uma péssima corrida, parando 8 vezes no boxe por causa dos pneus, o Maverick usou a gordura que tinha acumulado e ficou com o título.

Quatro Rodas 11.76

Quatro Rodas 11.76
Não restou mais nenhuma dúvida. O Maverick venceu a Divisão 1 de 1976 mesmo sem usar o Quadrijet. Assim como em 1973, o Maverick venceu, venceu e venceu sem ter o Quadrijet.

Estou mentindo? Os jornais e revistas estão mentindo?

Agora só falta a Divisão 3.

Folha de S. Paulo 13.11.76
Esse é o campeonato Paulista e claro, o Maverick está bem cotado.

Diário do Paraná 14.11.76
O Camilo passou por cima do coitado do Fusca rsrsr. Bom, a última etapa da D3 está chegando e será no melhor lugar de todos: Interlagos.



Jornal do Brasil 15.11.76
Jaime Silva com seu Maverick venceram o a Divisão 1 paulista.
Atenção aos detalhes e informações: A Quatro Rodas definiu que o Maverick era campeão da D1 e o Jornal do Brasil está dizendo que ainda está em estudo o real campeão. Porém, a Quatro Rodas foi finalizada no fim do mês de novembro, portanto essa decisão já havia sido tomada. Concordam?

Quatro Rodas 12.76
Grande piloto, Jaime Silva fará falta fora do cockpit dos Maverick.

Folha de S. Paulo 15.11.76
Ahh não acredito! O Maverick venceu novamente e foi campeão mais uma vez? Não é mentira?
kkkkkkkk
Tem gente que vai pensar isso.
A Divisão 3 é nossa! É tudo nosso!

Quatro Rodas 12.76

Quatro Rodas 12.76
Campeões e tal, mas aqui quero destacar a situação da Divisão 3 e do automobilismo nacional. Já lemos antes que o interesse está diminuindo e que a coisa estava ficando mais difícil. É uma pena. Será que 1976 foi o último ano do verdadeiro automobilismo nacional com a Divisão 1 e 3?


Quatro Rodas 12.76





Quatro Rodas 11.76
É até complicado separar campeão por campeonato, outra hora faço isso, mas você viu que o Maverick venceu e venceu bonito.

Jornal do Brasil 21.11.76
Deixando a F1 de lado, a última etapa do campeonato Gaúcho da D1 iria acontecer em Tarumã.
Eu realmente não encontrei o resultado dessa corrida, mas logo eu acho e publico aqui.

Jornal do Brasil 20.12.76
Resumão do automobilismo de 1976. Ficou bem claro né?
Só não ficou claro a questão do campeão da D1. Desde novembro que está confirmado que o Maverick foi o campeão.

O resultado que a minha pesquisa mostrou vai contra tudo o que já vi escrito por aí: "O Maverick dominou até 75 e depois o Opala foi soberano".
Uma dica básica pra você: Antes de formar uma opinião, veja a situação de vários pontos de vista. Aqui nós lemos 1 revista e 4 jornais diferentes e todos confirmaram a mesma história, mas eu sei que quem não gosta de Maverick não vai acreditar. Eles não acreditariam nem se isso fosse questão de vida ou morte. Não quer acreditar no que é fato? A escolha é sua. O que eu não entendo é que eu nunca vi alguém mostrando um argumento forte ou alguma notícia ou fato da época que mostre o contrário. Portanto, se você não tem como contestar à altura esses e todos os fatos que mostro no blog, é melhor ficar de boca fechada para não passar vergonha.

Tenho muito prazer em falar de Maverick, mas infelizmente consigo prever essa parte do chororô da concorrência.

Podemos concluir que o Maverick continuou vitorioso, que foi uma pena a saída do Quadrijet das pistas, que a D1 e D3 estavam perdendo o brilho, que a crise do petróleo continuava forte podendo até causar o fim das corridas e que não vejo a hora de saber o que aconteceu em 1977.
Antes de fazer essa pesquisa, eu também acreditava que em 76 o Opala tivesse sido melhor, mas como das outras vezes, vi que a história que contam  do Maverick por aí não é bem a realidade.... Talvez essa má informação que já está enraizada nas pessoas atrapalhe o entendimento das coisas expostas no blog. Deve ser por isso que mesmo com tantas provas e evidências, alguns duvidam.
Não estou aqui pra fazer você acreditar ou não, só quero manter a história do Maverick limpa e correta.

Estou de olho pelo Facebook no que as pessoas comentam questionando esses fatos, mas eu só vou responder pra quem mostrar bons argumentos. To correndo de discussões que não levam a nada hehhehe

Viva o Maverick!

FORD MAVERICK NA HISTÓRIA
Pra quem quer saber a história por trás da história.

E-mail para contato:
juninho8fonseca@gmail.com

Curta a página e confira nosso conteúdo exclusivo para o Facebook:

Obrigado pela visita!

No Facebook


Conheça os Relocímetros, uma linha de relógios especiais para quem curte carros. De parede, de pulso e de mesa. Acesse www.autosbizus.com.br .