sábado, 7 de dezembro de 2013

Produção Total do Maverick no Brasil

É meio complicado manter a ordem cronológica da história do Maverick aqui no blog, sempre tem um assunto que chama atenção ou está em mais evidência e eu não resisto.
Hoje vamos ver essa pesquisa que nos leva ao inicio de 1979 para “descobrir” quantos Maverick foram produzidos exatamente. Sei que você deve estar dizendo: Eu já sei! Já vi uma tabela com todas as informações que preciso.

Ok pessoal, eu também pensava assim, até que em um dia, em uma conversa no grupo do Facebook – Maverick, compra, venda e troca de informações, nosso amigo Luiz Alberto mostrou o número do chassis de seu carro, então parei tudo que estava fazendo e comecei a pesquisar.

Sabia que aquela tabela está errada? Dependendo de qual você viu, tem um erro na soma da produção de 1979. Esse é mais um motivo para recontar os Maverick produzidos no Brasil, não concordam?

Eu poderia ter procurado o Maverick de 1979 com o maior número de chassis, ou acreditar no que já sabemos ou então procurar nos jornais e revistas da época. Adivinha o que fiz?!

Mas antes... Você tem dúvidas de como ler a plaqueta de identificação do Maverick? Baixe já:

Identificação do veículo

Agora sim!

Jornal do Brasil 21.5.79

21º carro a deixar de ser produzido no Brasil. É triste, mas o Maverick deixa de ser fabricado. Nós sabemos perfeitamente disso, a questão é: Quando ocorreu e quantos foram produzidos? Foi culpa das mulheres?

Mesmo com o anúncio do fim do Maverick,ele ainda seria fabricado por encomenda independente do fato de ser pouquíssimo viável.
Olhem só, em março o Maverick já era produzido sob encomenda e isso durou até abril.
Ainda tem essa pesquisa que diz que o Maverick não caiu no gosto das mulheres por ser um carro pesado e difícil de manobrar, na opinião delas.

Breve história do Maverick. E pensar que o Granada poderia ter tirado a chance do Maverick ter vindo para o Brasil heim...

Jornal do Brasil 24.5.79

Então é oficial: o Maverick deixou de ser fabricado em abril de 1979. Mas quantos foram fabricados ao todo?

Temos a tabela:

ANO
VENDAS
1973
18.970
1974
34.770
1975
21.159
1976
19.982
1977
7.434
1978
4.757
1979
1011 – Até o dia 20 de abril.


Nessa conta temos o total de 108.083 Maverick produzidos e vendidos, porém, devemos lembrar que o mês de abril não está completo. Então, quantos Maverick somaram em abril, o último mês de produção?

Segunda parte da nossa pesquisa: qual foi o total?

A Quatro Rodas vai nos ajudar:

Quatro Rodas 3.79
Produção de Janeiro,

Quatro Rodas 4.79
Produção de Fevereiro,


Quatro Rodas 5.79
Produção de Março,
Quatro Rodas 6.79
Produção de Abril.
No título está MARÇO, mas os dados são do mês de ABRIL. Correto?

Veja 2.1.80

Aqui duas confirmações: Fim da produção em abril de 1979. Vendas de abril foram de 174 unidades.

Dá pra entender as tabelas da Quatro Rodas?
Eu podia ter selecionado somente a linha que mostra a produção do Maverick, mas assim está bom.
A primeira coluna é dividida em duas partes, na primeira parte temos a produção do mês e ano vigente e na segunda parte temos a produção do mês e ano anterior.
A segunda coluna é referente a vendas do mês e ano vigente.
A terceira coluna da tabela indica o veiculo.

Um ponto curioso é que o que o Jornal do Brasil e a revista Veja entendem como VENDAS, a revista Quatro Rodas entende como PRODUÇÃO.

Ok, vamos somar a coluna de produção e vendas? Primeiro a de produção:

Soma da Produção
1000? Não pode ser mil. O Jornal do Brasil disse que até o dia 20 de abril foram 1011, portanto é impossível ser menos de 1011.

Soma de Vendas
1035! Agora faz sentido. Quer dizer que nos últimos 10 dias do mês de abril de 1979 saíram mais 24 Maverick para as ruas.

Ótimo, agora temos a produção/vendas total de abril e consequentemente a soma total de 1979. É hora de somar tudo.

Total produzidos
Aí está: 108.107 Maverick produzidos no Brasil entre janeiro (sim o Maverick já era fabricado no Brasil antes de seu lançamento) de 1973 e 30(?) de abril de 1979.

Sei que já fizeram o registro do total de Maverick até com o total por modelo de cada ano. O valor total não bate com o resultado dessa pesquisa, porém aqui nós temos uma base bem sólida para confiar: o Jornal do Brasil, a revista Quatro Rodas e a revista Veja.

Uma coisa que fiquei sabendo por conversas, é que além de serem gravados a mão, alguns dos números do chassis de identificação do carro foram adulterados. Esse número fica tanto na plaqueta como também na lataria. Assim a turma poderia transformar qualquer cupê em GT, o mais cobiçado. Nós sabemos que quando se trata de ganhar dinheiro, as pessoas perdem os escrúpulos e fazem qualquer coisa. Mas as numerações também podem ter sido trocadas sem maldade, por apenas um erro.

A numeração do Maverick do Luiz Alberto, que citei lá no começo é a seguinte:

Palavras do Luiz Alberto:

Não consegui foto melhor to com problema na câmera, tirei com celular mas ficou muito ruim, vou passar os dados.Abraço... LB5BXD-08113 PESO 1.132 MOTOR N ANO 79 CARROÇ. 62B COR BZ ESTOF C DATA 11049 EIXO U TRANS. D





Vocês baixaram e leram a Identificação do Veículo e viram que depois que a numeração chegasse ao 99999, seria revertida para 0001. Foi esse o caso do Maverick do Luiz Alberto. Segundo a plaqueta e o documento, esse Maverick foi o 108113º a ser produzido, contra 108107 do resultado da minha pesquisa.

Por essa numeração, toda minha pesquisa e a outra tabela que já existe estão errados. Então o que aconteceu? Confesso que fiquei triste quando os resultados não bateram com o número do chassis do Maverick do Luiz Alberto, mas não posso dizer que o número foi mudado, nem que a pesquisa está errada, simplesmente não sei como explicar esse número no Maverick Super Luxo 1979 do nosso amigo.

Se levarmos em consideração que o Maverick também foi produzido em outros países, mas teve sua produção interrompida em 1977, esse Maverick 1979 aí pode ter sido o último dos últimos mesmo! O último Maverick do mundo! Isso é fantástico!

Várias dúvidas cercam esse clássico e mesmo 34 anos após ter saído de produção ainda não conseguimos explicar tudo.


O mais legal de tudo isso é que de uma conversa sem muitas pretensões, acabei criando essa longa pesquisa. Isso mostra que se todos nós nos unirmos em compartilhar o conhecimento que temos sobre o Maverick, todas essas dúvidas e mistérios poderão cair por terra rapidinho.

Agradeço ao Marcelo Hilchechen, responsável pelo grupo sobre Maverick no Facebook e é claro ao amigo Luiz Alberto Junior Santos, que foi muito legal em ceder os dados de seu carro para essa pesquisa.

Ficou curioso com esse provável último Maverick? Já vou adiantando que ele tem mais curiosidades do que você imagina. Aguardem, pois poderemos ter novidades a seu respeito.

FORD MAVERICK NA HISTÓRIA
Pra quem quer saber a história por trás da história.

E-mail para contato:
juninho8fonseca@gmail.com

Curta a página e confira nosso conteúdo exclusivo para o Facebook:

Obrigado pela visita!
Deixe seu comentário

No Facebook


Conheça os Relocímetros, uma linha de relógios especiais para quem curte carros. De parede, de pulso e de mesa. Acesse www.autosbizus.com.br .